Decreto de desburocratização torna serviço público mais transparente


Além da economia de dinheiro e do ganho de tempo, o decreto de desburocratização do governo federalvai dar mais transparência à prestação de serviços públicos. Cada órgão, empresa ou autarquia federal terá de publicar uma “Carta de Serviços ao Usuário” – o documento vai ser uma espécie de cardápio de serviços para o cidadão e para as empresas. Segundo o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União, as regras valem para todos os órgãos e entidades do governo federal.

O documento terá de ser divulgado em meio impresso ou eletrônico e vai trazer explicações sobre serviços oferecidos, requisitos e documentos para acessar esses serviços, prazos, forma de prestação, locais, tempo de espera, canais de reclamação, condições de acessibilidade, limpeza e conforto.

A carta de serviços faz parte das novas regras de prestação de serviços públicos que constam no decreto nº 9.094. O texto permite a dispensa do reconhecimento de firma e da autenticação de documentos expedidos no País.

Mais facilidades

Essa legislação também torna gratuito os atos necessários para o exercício da cidadania; cria uma padronização de procedimentos e formulários; e proíbe a recusa de documentos pelos protocolos dos órgãos públicos. O usuário também fica dispensado de entregar o mesmo documento várias vezes, em cada atendimento que receber, caso a informação já conste em banco de dados oficiais.
Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União

Editor Chefe Marcelino Martins

Graduando do Curso de Marketing e pós-graduando no curso de Gestão Estratégica em Marketing Digital.
Facebook: http://www.facebook.com/marcelinoitapiunanews