Protestantes invadem Festa de São Francisco em Canindé e Causam Revolta na População

A Festa de São Francisco das Chagas, em Canindé, que teve inicio no último dia (24), foi invadida por um grupo de protestantes que estão na cidade tentando "converter" a fé dos romeiros. 

De acordo com que apurou nossa reportagem, os protestantes estavam utilizando as ruas e espaços religiosos da Igreja Católica para entregar panfletos com mensagens evangélicas e um outro panfleto usava a imagem e a oração de São Francisco de forma indevida, já outro grupo entregava água e fazia criticas à devoção do romeiro a São Francisco.
  
De acordo com relatos de várias pessoas, outro grupo se veste com roupas de romeiros e até usam imagens do santo para profanar atos de desrespeito.


Devido à tamanha falta de respeito com os romeiros e com as pessoas da cidade e com os franciscanos que administram o Santuário, o Guardião do Convento Frei Jean Souza saiu às ruas dos principais bairros acompanhado de uma caravana de jovens que logo ganhou total apoio da comunidade e até de evangélicos da cidade que não apoiam a atitude adotada por esses protestantes que vieram de outras cidades para conturbar a Festa de São Francisco; porém nossa reportagem apurou, também,que algumas pessoas que dizem serem evangélicas em Canindé estão apoiando o movimento que tem causado divisão de opinião e revolta entre as várias Igrejas Evangélicas existentes hoje na cidade, tendo em vista que a atitude desse grupo também está prejudicando às outras Igrejas Evangélicas que fazem um trabalho sério na cidade.

Depois que as emissoras de rádios abordaram o assunto, a população de Canindé ficou completamente revoltada e manifestou apoio total aos frades franciscanos.

Uma evangélica participou por telefone em uma das emissoras de rádio e disse que "isso é uma desmoralização para a Igreja Evangélica". Não se fala em outra coisa na cidade a não ser a falta de respeito e ousadia que tiveram os protestantes com os católicos em plena Festa de São Francisco, invadindo a Cidade da Fé, que há mais de 250 anos celebra o evento nesta data.

  
Frei Jean falou na missa de 9 horas do domingo (29), que vai acionar o Ministério Público Federal para como resguarda a Constituição Federal que garante a liberdade de crença religiosa seja garantida.

Já um irmão de outra Igreja Evangélica que não apoia o movimento disse 
"que infelizmente tem algumas pessoas irresponsáveis de Canindé que apoiam o movimento".

Devido a esse fato, a população está em alerta caso a cidade sofra um novo ataque de desrespeito no período festivo; já que nesse primeiro momento o movimento foi enfraquecido com a resposta dada pela comunidade.

FONTE: Portal Canindé

Editor Chefe Marcelino Martins

Graduando do Curso de Marketing e pós-graduando no curso de Gestão Estratégica em Marketing Digital.
Facebook: http://www.facebook.com/marcelinoitapiunanews