Termina nesta sexta-feira o prazo para vacinação contra a Febre Aftosa

Termina nesta sexta-feira (30) a segunda etapa da campanha de
vacinação contra a Febre Aftosa, e até agora pouco mais de 27% do
rebanho do Ceará foi imunizado, sendo que o objetivo é vacinar 90% dos
bovinos e bubalinos do Estado, para assim o Ceará sair da zona de
risco médio e alcançar o status de zona livre com vacinação até março
de 2013.

A vacinas contra a febre aftosa podem ser compradas ao preço médio de
R$ 1,50 nas revendas veterinárias de
todo o Estado. Após vacinar, o produtor deve declarar a vacinação nos
escritórios da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do
Ceará (Ematerce) e da Adagri.
"Não está faltando vacina em nenhuma das lojas veterinárias do Ceará e
os nossos produtores precisam
cumprir o prazo", alertou o secretário adjunto do Desenvolvimento
Agrário,Antônio Amorim.
A multa para quem não vacinar o rebanho ainda é de R$ 13,43 por
cabeça. O secretário adjunto Antônio
Amorim informou ainda que a partir do dia 3 de dezembro, os fiscais
agropecuários vão às propriedades rurais solicitar os comprovantes de
vacinação e quem não apresentá-los vai ser punido.
Além disso, os produtores que não
estiverem com os registros de sanidade animal em dia, comprovando que
vacinaram o rebanho na segunda etapa da campanha, não poderão receber
o milho distribuído pela
Companhia Nacional de Abastecimento(Conab). "Os produtores precisam
entender que a vacinação contra a
febre aftosa é uma questão de saúde
pública e também representa um avanço para a economia do Ceará.
Caso seja confirmado como zona livre de aftosa com vacinação o Ceará
terá mais mercado para a compra e a venda de animais", destacou o
presidente da ADAGRI, Augusto Júnior.

Editor Chefe Marcelino Martins

Graduando do Curso de Marketing e pós-graduando no curso de Gestão Estratégica em Marketing Digital.
Facebook: http://www.facebook.com/marcelinoitapiunanews