Ads Top

MP denuncia prefeito de Capistrano e mais três secretários por improbidade administrativa

Ministério Público do Estado do Ceará propôs uma Ação Civil Pública
(ACP) de improbidade administrativa contra o prefeito de Capistrano,
Cláudio Bezerra Saraiva, secretário de Finanças e Administração,
Marcos Silva Saraiva, o secretário de educação, Francisco Warney
Barros, e o ex-secretário de Educação, José Távora Costa.
Conforme informações do MP, as investigações apontam que estariam
sendo contratados servidores "Fantasmas" além de efetivarem inúmeras
contratações irregulares, que passaram a constar e inchar a folha de
pagamento do Município. Vale ressaltar que as situações não se
enquadram nas situações de excepcionalidade previstas na Constituição
Federal, como as de jardineiro, vigia, digitador, auxilar de serviços
gerais e professor.

Caso o prefeito e os secretários citados sejam condenados pela justiça
poderão sofrer as seguintes penalidades: perda da função pública,
suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de
multa, proibição de contratar com o poder público ou receber qualquer
beneficio oficial pelo o prazo de três anos.
Tecnologia do Blogger.